Medidas simples ajudam a economizar energia no verão

5

Com as temperaturas máximas batendo na casa dos 30°, o consumo de energia elétrica tende a subir também. Geladeira, ar-condicionado e até mesmo ventiladores são mais usados nesta época, podendo tornarem-se os principais responsáveis pela conta de luz mais cara nos meses quentes.

Entretanto, algumas pequenas mudanças no uso dos equipamentos podem gerar economia. E estas medidas podem se estender para o ano todo.

Equipamentos que aquecem ou que resfriam são os que mais consomem energia em uma residência. Isto significa que geladeira, freezer, e chuveiro elétrico são os equipamentos responsáveis por, em alguns casos, mais de 50% do valor da conta de luz. No verão, então, onde somam-se principalmente o ar-condicionado e o ventilador, o gasto com energia cresce. “Além disso, as pessoas tendem a diminuir o termostato das geladeiras e dos freezers para o mínimo, aumentando o consumo dos equipamentos”, explicou o gerente da divisão de Eficiência Energética da Copel, André Pedretti.

Para evitar o aumento no consumo de energia elétrica, portanto, algumas medidas simples podem ser adotadas. Os ambientes com ar-condicionado, o principal vilão do aumento no consumo de energia no verão, devem estar com as portas e janelas fechadas. “A lógica é simples: se entra calor de fora, o equipamento precisa trabalhar mais para resfriar o ambiente. Então, quando menos se abrir portas, menos consumo”, afirmou Pedretti. Além disso, é importante lembrar de desligar o aparelho em cômodos desocupados e manter a manutenção em dia.

Evitar abrir a porta desnecessariamente vale também para geladeiras e freezers, pois o aparelho vai receber o ar mais quente do ambiente e trabalhar mais para resfriar. Além disso, é importante que a borracha da porta do equipamento esteja em ordem para garantir a vedação e não se deve colocar alimentos ainda quentes dentro da geladeira.

Se o consumidor for viajar, o ideal é aumentar a regulagem do termostato, já que a porta não será aberta por alguns dias. Assim economiza-se energia e não estraga os alimentos.

CHUVEIRO E LÂMPADAS – Gasta-se mais de um lado, mas por outro o verão é a época ideal para economizar com o chuveiro elétrico, responsável por cerca de 25% do consumo de energia de uma residência. Para isso, basta mudar a chave de temperatura para “verão”. O consumo reduz em até 40%. O mesmo vale para as lâmpadas. O ideal é evitar acendê-las durante o dia e optar pelos modelos led ou fluorescentes compactas.

SIMULADOR – Para quem quer saber antecipadamente quanto vai gastar na conta de luz, a Copel mantém um simulador on-line de consumo de energia que mostra o consumo aproximado de cada um dos aparelhos da residência.

Para isso, é necessário saber a potência do equipamento e ter uma estimativa do tempo de uso diário. “No site da Copel há também uma página com dicas de uso eficiente de energia tanto para consumidores residenciais quanto comerciais e industriais”, afirmou Pedretti.

Para acessar a página com dicas, basta ir www.copel.com, clicar em “Residencial” e logo após em “Informações” e, no menu, escolher “Uso Eficiente de Energia na sua Casa”. Neste mesmo local está o link para o simulador on-line.

AEN

 

Fonte: Radio Cultura Foz Link http://www.radioculturafoz.com.br/medidas-simples-ajudam-a-economizar-energia-no-verao/#.WMaf_vnyuM8